terça-feira, 4 de novembro de 2014

Lilya Corneli





I
Sua boca instiga-me orvalhos
Numa espera de flor
Desabrocho hora após hora.


II
Percorro do solo ao alto
Agarram-me raízes
Se por brisa chegas
Vespertino sonho.

III
Escureço lonjuras
Forjo na sombra suas chegadas
São de estalidos de folhas
suas pegadas.

Karinne Santiago.