sexta-feira, 1 de novembro de 2013

a tristeza é marca de nascença

Catrin Welz Stein





um dia disseram-me:
"dou-te de herança todas as lágrimas!"

inundando-me de pesares
instalando-me ilhas 

hoje sou líquida
impalpável
oceano

Karinne Santiago

2 comentários:

  1. [nascem e perecem mares

    na palavra
    que se faz corpo,
    herança do corpo.]

    um imenso abraço, Karinne

    Lb

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada pela visita Leonardo. Leitura sempre generosa. Beijos, poeta!

    ResponderExcluir

Vamos poeticar?!