sábado, 3 de novembro de 2012

os escafandristas invadiram nosso jardim





acordei num corpo anil e trêmulo
repleto de ares ainda enluarados
que revestiam cortinas de tom pele
agitavam-se diante da larga janela
brilhosos exércitos de bailarinos nus
com flores iluminadas e arcos nas mãos
lançando certeiros em alvo invisível
escrituras ancestrais em sânscrito
e indulgências de nuvens e sementes


prostrada na sombra de gigante girassol
resguardada entre pétalas e caleidoscópio 
observava faíscas em dourados vértices
largas hastes de abajures verdes condensados
enquanto todos os deuses se recobriram de luz
e os versos em vozes-oníricas eclodiram
libertando ao meio-dia por toda grama
pentagramas e eclipse de poetas




Karinne Santiago

2 comentários:

Vamos poeticar?!