quarta-feira, 18 de julho de 2012

Dias Frios



Anoitece chuva em meus canteiros
Enterneço de saudade na poltrona
Com o livro dos seus sorrisos no colo
Olhos fechados leem sobre o passado
E o coração enxerga todas as juras
As estrelas descarregam seus brilhos
Que escorrem em meus olhos
Rasos rastros do amor 

Karinne Santiago

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vamos poeticar?!