terça-feira, 3 de abril de 2012

PROSA MIÚDA II





E quando calo seu nome 
Anoiteço estrelas 
No céu da minha boca

Karinne Santiago

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Vamos poeticar?!